Postagens

Mostrando postagens de Dezembro 29, 2015

2015 vai tarde. Para 2016 há sinais de esperança!

Imagem
2015 dá seus últimos suspiros. Foi um ano terrível. Abateu-se em nosso país uma grave crise política, em meio a problemas econômicos, paralisando o Brasil.
A violência, que sempre determinou a “ordem” das relações sociais no Brasil, tornou-se o recurso utilizado em doses cavalares por setores conservadores que tentam reposicionar-se num cenário de disputas reais e simbólicas.  Não nos enganemos: a paz dos túmulos não existe mais. Dito de outra maneira, não haverá justiça social e igualdade no Brasil sem tocar nos privilégios historicamente acumulados. Não é possível alcançar a paz sem perder nada.
Na atual crise política brasileira, alguns elementos são mais ou menos evidentes. Como se não bastassem os limites da democracia representativa, temos poucos e frágeis mecanismos de democracia direta e participativa; uma cultura altamente individualista e pragmática; a criminalização da política pelos segmentos conservadores; a perversidade do mercado eleitoral (via  financiamento das campanha…